quinta-feira, 31 de janeiro de 2013

Tragédias diárias


A tragédia de Santa Maria enlutou o Brasil. O beijo da morte feriu o coração de centenas de famílias. Explicações, alegações, acusações, nada trará de volta as pessoas que foram embora naquela noite.  Existem outras tragédias que lamentavelmente fazem parte do cotidiano do brasileiro. Que igualmente entristecem todos nós. Que também merecem o repúdio coletivo e providências enérgicas das autoridades. O país convive com a tragédia das enchentes, com a tragédia dos sequestros, dos assassinatos, dos estupros, dos erros médicos. Quando diminuirão as tragédias no trânsito? A imprudência e a irresponsabilidade quase generalizada do brasileiro, em todos os setores de atividade, também geram tragédias. A falta de respeito intimida e humilha quem procura agir corretamente. O cinismo, a hipocrisia e a covardia são parceiros das tragédias. Outro tipo de tragédia tem a participação infame de canalhas que roubam e desviam dinheiro da merenda escolar. É preciso alargar e clarear a consciência coletiva, para vencermos as tragédias.

quarta-feira, 30 de janeiro de 2013

O formidável Gurgel


O pomposo, roliço e pastoso Procurador-Geral Roberto Gurgel realmente é formidável. Assegura, com o habitual ar de sabidão, que  a denúncia contra Renan Calheiros "é extremamente consistente". Gurgel só não explica porque demorou quase 5 anos para formalizar a acusação contra Calheiros no STF. E o mais grave e cômico se não fosse trágico e torpe, com a denúncia contra Renan sendo apresentada 6 dias antes da eleição do futuro presidente do Senado e do Congresso, da qual Renan desponta como favorito absoluto.Não se sabe onde Gurgel comprou a "consistência" que tanto apregoa, se na farmácia ou na feira.

terça-feira, 29 de janeiro de 2013

Renan: denúncia que Gurgel enviou ao STF é movida por interesse político




O senador Renan Calheiros afirmou que a decisão do procurador-geral da República, Roberto Gurgel, de encaminhar denúncia contra ele ao Supremo Tribunal Federal (STF) "padece de suspeição e possui natureza nitidamente política", já que foi apresentada poucos dias antes da eleição para a presidência do Senado. A eleição da Mesa Diretora será na próxima sexta-feira (1º) e o senador é o provável candidato à presidência pelo PMDB. "O inquérito é de agosto de 2007 e, apesar de se encontrar parado na Procuradoria da República desde fevereiro de 2011, a denúncia foi protocolada exatamente na sexta-feira anterior à eleição para a presidência do Senado Federal. Trata-se de atitude totalmente incompatível com o habitual cuidado do Ministério Público no exercício de suas nobres funções", diz a nota divulgada sábado (26) por sua assessoria (clique aqui para ler na íntegra). Calheiros lamentou a "injustificável demora e agora a acusação" do Ministério Público. A nota esclarece que foi o próprio senador que solicitou as investigações ao MP e à Receita Federal. "Ele mesmo forneceu espontaneamente os documentos - todos verdadeiros -, além dos sigilos bancário, fiscal e telefônico. É o maior interessado nessa questão", diz o texto. A denúncia do procurador, ajuizada na última sexta-feira (25) em um inquérito que corre em segredo de Justiça na corte, será examinada pelo relator da ação, ministro Ricardo Lewandowski.

Jornal Hora do Povo

Matérias relacionadas:















Com a palavra o Presidente do Centro das Indústrias do Amazonas, Wilson Périco:

Como é sabido por todos as condições das vias públicas não é das melhores em Manaus, principalmente no Distrito Industrial. A rua que dá acesso ao Porto Chibatão – rua Zebu – apresentou problemas em sua contenção (desbarrancamento) e oferece riscos por conta do trafego pesado de caminhões que movimentam cargas para as industrias  do Distrito Industrial e para o comércio, assim como escoa os produtos de Manaus para outras regiões do País e do mundo. Fui informado pela mídia que o Ministério Publico iria interditar a rua Zebu ao que eu disse: “A economia do nosso Estado é refém da atividade portuária, não temos estradas para escoar nossa produção nem para receber os insumos para a atividade produtora. Se a rua que dá acesso ao porto vai ser interditada precisamos de um plano B, uma alternativa para mantermos nossa economia funcionando”. Não disse nada quanto a capacidade de porto A ou B e nem que éramos reféns dos 2 portos, mas somos sim reféns da atividade portuária. Por outro lado, não sou contra a construção de mais um, 2 ou 10 portos em Manaus; isso aumentaria a concorrência e seria benéfico para os clientes desses serviços. Mas não é essa a questão do momento, a questão é (ou era) se a Rua Zebu for (fosse) interditada como é que manteríamos a atividade econômica do nosso Estado?? Qual a alternativa para evitar impacto na saída de mercadorias do porto e no escoamento dos produtos de Manaus?

Literatura futebolística


O presidente da CBF, José Maria Marin, mandou o livro "Brasil, o País do Futebol", para o jornalista Vicente Limongi Netto, com a seguinte dedicatória: "Ao estupendo jornalista e grande amigo Limongi, a estima, gratidão e homenagem do seu admirador e amigo, Marin. Deus lhe pague!". O anuário contém informações sobre os campeonatos estaduais realizados pelas 27 federações em 2012, com matéria também a propósito da Copa Libertadores conquistada pelo Corinthians. A obra ainda recorda as conquistas mundiais do Bicampeonato e do Pentacampeonato da seleção brasileira, além de homenagens ao tricolor Nelson Rodrigues e ao vascaíno Chico Anísio
Anna Ramalho

Boa escolha


Repercutiu bem nos setores produtivos do Amazonas a nomeação do presidente da federação das Indústrias do Amazonas, Antônio Silva, para conselheiro da Suframa. Silva também é um dos vice-presidentes da Confederação Nacional da Indústria. A portaria é do ministro do Desenvolvimento, Fernando Pimentel.

segunda-feira, 28 de janeiro de 2013

Sarney faz balanço de sua gestão


Foi uma entrevista exclusiva para o jornal, a rádio e a TV Senado. Na sexta-feira, primeiro de fevereiro, o Senado terá um novo presidente. A eleição está prevista para as 10 horas, no Plenário da Casa. Confira o vídeo. 

video

O que acontece por aí...

Ana Amélia consegue empenhar R$ 28,3 milhões para 166 prefeituras do Rio Grande do Sul

A Senadora Ana Amélia (PP-RS) empenhou, neste inicio de mandato, R$ 28,3 milhões em recursos federais para 166 prefeituras do Rio Grande do Sul provenientes de programas governamentais e emendas individuais ao Orçamento da União. Desde que assumiu o cargo como parlamentar, a Senadora pleiteou junto ao governo federal a destinação de recursos públicos para cinco áreas prioritárias: infraestrutura urbana, agricultura, saúde, esporte e turismo. Do total de recursos empenhados,  R$ 10 milhões estão reservados para calçamentos, pavimentações de estradas e melhorias urbanas; R$ 7,8 milhões direcionados à compra de máquinas e equipamentos agrícolas; R$ 4,9 milhões para a aquisição de equipamentos hospitalares e instalações das academias da saúde; R$ 4 milhões para a construção de ginásios e quadras desportivas e R$ 1,6 milhão focados na  melhoria da infraestrutura de áreas turísticas. Os recursos empenhados significam a  garantia de que haverá o pagamento, conforme a execução da obra ou do convênio por parte do governo federal  às prefeituras independentemente de partidos políticos ou mandatos.

Procurador move ação torpe contra Renan

O procurador-geral da República é inacreditável. Faz de tudo para aparecer. Vende até a alma. Depois de sentar em cima do processo, já respondido e esclarecido há anos, contra o senador Renan Calheiros, eis que o sinistro clone de Jô Soares cretinamente resolve propor ação contra Renan no STF. Claro, só agora, perto da sucessão da Presidência do Senado e do Congresso, que tem Renan Calheiros como virtual eleito para suceder Sarney. O pastoso e roliço procurador faria melhor se tirasse a fantasia de ressentido e recalcado e enfiasse uma melancia no pescoço e fosse desfilar no calçadão da praia de Iracema.

Livro de kramer sobre Dante de Oliveira

Nesta sexta-feira (dia 1º de fevereiro), das 15 às 18h, no "Café do Salão Verde" da Câmara dos Deputados, será o lançamento do volume 65 da coleção Perfis Parlamentares (Edições Câmara), dedicado ao homem das Diretas-Já!, Dante de Oliveira (precocemente falecido em 2006, aos 54 anos de idade), que também foi prefeito de Cuiabá por dois mandatos e governador de Mato Grosso, idem. O ensaio biográfico introdutório, a compilação de discursos parlamentares e a seleção de fotos de momentos marcantes de sua vida pessoal e de sua trajetória pública são do cientista político Paulo Kramer.

Nota prefeito Arthur Virgílio Neto sobre tragédia em Santa Maria

O prefeito de Manaus, Arthur Virgílio Neto (PSDB), após enviar email de solidariedade ao povo de Santa Maria, encaminhado ao prefeito Cezar Schimer e ao governador do Rio Grande do Sul, Tarso Genro, anunciou uma operação de fiscalização em todas as casas de show da cidade. Segundo ele, as que estiverem irregulares, oferecendo risco aos usuários, serão fechadas e terão os alvarás suspensos. Arthur, que está em Brasília a convite da presidente Dilma,  incumbiu o prefeito interino, Bosco Saraiva (PSDB), a começar as ações imediatamente. Para Arthur, a tragédia é terrivelmente dolorida e tem que servir de aviso ao país inteiro. "Algo assim não pode se repetir", disse o prefeito. O prefeito em exercício, vereador Bosco Saraiva (PSDB), decretará a partir desta segunda-feira, 28, luto oficial de três dias em Manaus, a pedido do prefeito Arthur Virgílio Neto que, na tarde deste domingo, embarcou para Brasília, onde participará até quarta-feira, 30, do Encontro Nacional com Novos Prefeitos e Prefeitas - Municípios fortes, Brasil sustentável.

Postura Digna de Dilma

É preciso louvar a postura digna, ágil, correta, firme e eficiente da presidente Dilma nesta tragédia que abalou e consternou o Brasil. Imediatamente cancelou seus compromissos, determinando providências aos ministros. Sem demora foi ao Rio Grande do Sul. Fez o que foi preciso. O que estava ao seu alcance. E, como mãe e avó, emocionou-se. 

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Edilma Neiva Ibiapina lança o livro "Ciclos da Vida"


Tem romance novo em Brasília. É o "Ciclos da Vida". Escrito pela competente e valorosa amiga, a jornalista Edilma Neiva Ibiapina, o livro é ficção que fala da vida das pessoas, com suas lutas, dramas, ilusões e desilusões, de realidades conhecidas por muitos. Obra de leitura rápida, mas que toca fundo em questões essenciais do cotidiano. Edilma é veterana e querida por todos. Sempre pertenceu ao lado saudável da imprensa. Vive em Brasília desde 1970, quando veio de Goiânia para cursar Comunicação na Universidade de Brasília. Bacharelou-se em duas habilitações, Jornalismo e Áudio Visual. Deu seus primeiros passos na profissão através da TV Nacional e depois na então recém inaugurada Rede Globo de Televisão, onde ficou por quinze anos. Passou por outras emissoras, como Bandeirantes e a extinta Manchete, sempre admirada e querida pelos colegas. Ainda realizou trabalhos no Executivo e no Judiciário. É casada há 41 anos com o também jornalista Wilson Ibiapina. Grande figura. Tem dois filhos e uma neta. Afastada há dois anos da corrida diária das redações, está começando esta nova jornada com este seu primeiro romance. O lançamento será no dia 7 de fevereiro próximo, a partir das 18h00, no Restaurante Carpe Diem. Pessoas do bem, com certeza, estarão presentes. Eu recomendo. Segue abaixo o convite. Clique na imagem para ampliá-la.

Vicente Limongi Netto


Casagrande concorda comigo: Paulo Henrique Ganso é jogador de seleção


Segunda-feira escrevi, terça-feira publiquei no meu Blog, sobre os convocados de Felipão, salientando textualmente que Paulo Henrique Ganso é jogador com qualidades para ser titular em qualquer time do Brasil e do mundo. Pois bem, fiquei lisonjeado e feliz porque ontem, quarta-feira, no primeiro tempo da goleada do São Paulo contra o time da Bolívia, Casagrande afirmou EXATAMENTE, sem tirar ou acrescentar nada, o que observei sobre o talentoso Ganso

terça-feira, 22 de janeiro de 2013

Homens do Felipão


Gostei da convocação do Hernandez. Joga mais do que alguns jogadores chamados pelo ex-técnico. Júlio Cesar, gostemos ou não, foi excelente lembrança e aposta de Felipão, porque realmente os goleiros que jogam no Brasil não merecem confiança. Com exceção de Rogério Ceni, que, a meu ver, pelo critério de Felipão e Parreira breve será convocado. Com todos os méritos. Péssima a convocação de Hulk. Não joga nada. Parece jogador de futebol americano. Admito que ainda não é hora de chamar Paulo Henrique Ganso, aos pouco voltando a recuperar a exuberante forma técnica e física da época do Santos. Em perfeitas condições o talentoso Ganso tem lugar cativo em qualquer seleção do mundo. Ronaldo Gaúcho foi outra boa lembrança. O importante é que nas cabeças de Felipão e Parreira a seleção não pode, não deve nem precisa jogar com adversários medíocres. Jose Maria Marin, por sua vez, não quer mais desculpas. Quer vitórias e títulos. Marin acredita que o torcedor voltará a confiar e vibrar com a seleção. Porque lá fora ninguém tem mais medo de enfrentar a seleção penta campeã do mundo.

Confira os convocados

Goleiros 
Diego Alves (Valencia)
 
Julio Cesar (QPR)

Laterais 
Daniel Alves (Barcelona)
 
Adriano (Barcelona)
 
Filipe Luis (Atlético de Madri)

Zagueiros 
David Luiz (Chelsea)
 
Dante (Bayern de Munique)
 
Miranda (Atlético de Madri)
 
Leandro Castán (Roma)

Volantes 
Arouca (Santos)
 
Paulinho (Corinthians)
 
Ramires (Chelsea)
 
Hernanes (Lazio)

Meias 
Lucas (Paris Saint Germain)
 
Ronaldinho Gaúcho (Atlético-MG)
 
Oscar (Chelsea)

Atacantes 
Hulk (Zenit)
 
Neymar (Santos)
 
Luis Fabiano (São Paulo)
 
Fred (Fluminense)

domingo, 20 de janeiro de 2013

O que acontece por aí...


Medíocres usam a PGR para atacar Renan

Asnos e beócios adeptos do imundo e covarde jogo político tentam intimidar Renan Calheiros e fragilizar a candidatura do senador alagoano à Presidência do Senado e do Congresso. São obscuros e incompetentes parlamentares que não têm o que fazer e tentam desesperadamente aparecer no noticiário político à custa do operoso e competente Renan Calheiros. Pinóias que usam como escudo a Procuradoria-Geral da República, que vai na onda do bloco da mediocridade. A PGR também adora holofotes. Empata com as mariposas que vivem em volta do foco das luzes. Francamente.

O manjado político gaúcho gosta de marola

Porque o sabidão e franciscano Simon não se candidata para disputar a presidência do senado com Renan Calheiros? Prefere jogar para a platéia de incautos, no velho estilo surrado e enfadonho do lero-lero, da conversa mole e fiada. Francamente.

Renan, não esmoreça

Senador Renan Calheiros, continue lutando. Não pare, não ceda, não desista, não esmoreça. Viver é para os bravos. Para os guerreiros. Para os que não se intimidam diante da avalanche de mentiras. Respire fundo. Prossiga enfrentando os obstáculos. Beije a família. Ela é o oxigênio da tua força. O jogo é pesado. A briga é desleal. Querem destruí-lo com todas as armas da torpeza, da demagogia, da covardia e da hipocrisia. Não desista, não fraqueje. Mostre que não se destrói um homem de fibra, forjado em lutas, com pedras de sandices e leviandades. Com noticias requentadas e fatos inventados. Vale tudo no jogo da podridão política. É o desespero dos desafetos. Não deixe de nadar, de brigar, de sustentar suas opiniões. A verdade prevalecerá. Ela é mais forte do que os exageros e o histerismo das paixões políticas. Deus te ilumine.

Verão carioca agora só tem tragédia

De uns tempos para cá mudaram as palavras de ordem do verão carioca. Trocou-se o mar, alegria, sol, samba, chopp, biquini, carnaval, por enxurrada, enchente, mortes, desalojados, desabrigados, lama, fome. É uma tragédia mais do que anunciada. Ninguém toma providências antecipadas. Ninguém tem competência para pelo menos tentar que os estragos e prejuízos sejam menores. Todo ano é este quadro desolador que entristece e revolta o Brasil inteiro. Francamente.E o mais grave. As verbas anunciadas e liberadas pelo governo não ajudam a acabar com o sofrimento das vítimas. A ladroagem entra no caminho das verbas e os desabrigados continuam penando, esperando ajuda. São canalhas tirando vantagens com a desgraça alheia.

FHC e Aécio: vem aí a chapa puro-mofo

Quando imagina-se que as oposições vão reagir, eis que o deslumbradão FHC surge das trevas do Além declarando aos vassalos da mídia que será o guru da candidatura de Aécio Neves em 2014. Dilma e companhia agradecem aos céus. Soltam rojões. Com o sábio FHC do lado Aécio não precisa mais de inimigos. Aliás, sugiro que a dupla lance a chapa puro-mofo.

Rosemary na roda da guerra muda de figura

Logo que estourou o escândalo da madame Rosemary, escrevi aqui e alhures que a poderosa apaniguada de Lula, bem explorada, com competência, pelas Oposições, aí sim, seria uma explosão para causar estragos nos redutos petistas e governistas. Agora, nesta linha, surge um fato novo que realmente, caso concretizado e bem trabalhado, trará enormes dores de cabeça para Lula e seguidores. Quem sabe, até pode respingar em Dilma: a quebra do sigilo fiscal e telefônico de Rosemary. Ocorre que a oposição pedir-querer a quebra dos sigilos de Rosemary é uma coisa. Conseguir, ter êxito, o buraco é mais embaixo.

quinta-feira, 17 de janeiro de 2013

O que acontece por aí...


Renan e Henrique Alves

Creio que os desesperados, levianos e incompetentes desafetos de Henrique Alves e Renan Calheiros deveriam tirar o cavalinho da chuva. Henrique será o próximo presidente da Câmara Federal e, Renan, o sucessor de Sarney na Presidência do Senado e do Congresso.  Na verdade, o que o timeco dos derrotados pretende é dividir, rachar, fragilizar o PMDB, partido importante e fundamental para o apoio ao governo Dilma. Os parasitas não se conformam porque o partido de Henrique Alves e Renan Calheiros é forte. Sempre foi e continuará sendo. Bobagem e burrice tentar esmorecer ou intimidar Henrique e Renan com canalhices e plantações torpes na imprensa. Alves e Calheiros se prepararam e trabalharam incansavelmente para comandar as duas Casas do Legislativo. Dilma confia neles. Sabe que pode contar sempre com eles. Sobretudo nos momentos difíceis.

Gaspari e Collor

Novamente, de maneira infame, ressentida e injusta, Elio Gaspari( 16/01) escreve sobre o crescimento do Brasil. Destaca FHC, Lula e Dilma, mas omite o nome de Collor. Este sim, gostemos ou não, foi o Presidente do novo Brasil, o da abertura econômica. Não fica bem para a biografia de Elio Gaspari sonegar fatos e deixar de reconhecer os méritos de quem realmente os tem.

SUFRAMA define participação em feiras de 2013


A Superintendência da Zona Franca de Manaus (SUFRAMA) projeta, para 2013, a participação em, pelo menos, 19 feiras nacionais e internacionais, por meio de missões empresariais com objetivo de divulgar o modelo Zona Franca (ZFM) e atrair novos investimentos para o Polo Industrial de Manaus (PIM). O orçamento da autarquia destinado à promoção comercial para este ano é de R$ 593 mil (sem incluir a sétima edição da Feira Internacional da Amazônia a FIAM, marcada para os dias 27 a 30 de novembro). Segundo o coordenador-geral de Promoção Comercial da autarquia, Jorge Vasques, dos 19 eventos programados, a SUFRAMA estará em seis pela primeira vez, sendo cinco internacionais. “Este ano, a previsão é participar de 14 feiras internacionais, em países da América Latina, Europa e Ásia que a autarquia considera estratégicos para relações comerciais”, afirmou. As feiras de participação inédita da SUFRAMA são: Sial China, de 7 a 9 de maio em Shangai, voltada ao setor de alimentos e bebidas e uma das portas para importação e distribuição de produtos na China e na Ásia; Alimentec, nos dias 21 e 22 de junho em Bogotá (Colômbia), uma das feiras mais representativas da indústria latino-americana em alimentos processados, hortifruticultura, bebidas, máquinas, equipamentos, suprimentos e serviços de embalagem; Festival Gourmet Internacional, previsto para julho em Caracas (Venezuela), também voltado ao setor de alimentos e bebidas; Expo Fida, prevista para julho em Guayaquil (Equador), dedicada a produtos artesanais, joias e objetos de decoração; Natural Product Expo Asia/China de 29 a 31 de agosto, em Hong Kong, voltada a produtos naturais e orgânicos de matérias-primas até produtos acabados; e Equipotel Food and Drinks, de 16 a 19 de setembro em São Paulo, destinada ao mercado de refeições fora do lar. O superintendente Thomaz Nogueira afirmou que a participação nas feiras deve estreitar relações comerciais já iniciadas na sede da autarquia. “Recebemos durante 2012 uma série de empresários em missões internacionais buscando conhecer o modelo ZFM e as alternativas de parcerias com o PIM. Este é o momento de dar continuidade a essa aproximação, levando nossos empresários aos países para que também avaliem as oportunidades e fechem negócios de interesse para ambas as partes”, observou. Para as empresas que estão na área de abrangência da SUFRAMA (Acre, Amazonas, Roraima, Rondônia e as Áreas de Livre Comércio de Macapá e Santana, no Amapá) interessadas em participar das missões previstas no calendário de promoção comercial, a autarquia disponibiliza estande e apoio técnico durante o evento. Os custos de passagem, hospedagem, envio de mercadoria, entre outros, são de responsabilidade da empresa. Para mais informações, o contato da Coordenação Geral de Promoção Comercial é (92) 3321-7008/7254/7259.

Outras feiras

O calendário de eventos 2013 foi inaugurado com a participação do superintendente Thomaz Nogueira na CES, a maior feira de eletroeletrônicos e produtos de alta tecnologia do mundo, em Las Vegas (EUA), na última semana. O superintendente e o coordenador geral de acompanhamento de projetos industriais da autarquia, José Jorge do Nascimento Júnior, viajaram para analisar as tendências do mercado hightech, visando atualizar Processos Produtivos, atrair novos fabricantes para o PIM e renovar as linhas de produção dos que já estão no modelo Zona Franca. Neste primeiro semestre, ainda estão previstas: Foodex, de 5 a 8 de março em Chiba (Japão), voltada aos alimentos e bebidas; CEBIT, de 5 a 9 de março em Hannover (Alemanha), considerada a maior feira mundial de Tecnologia da Informação e Comunicação (TIC); Hannover Messe, de 8 a 12 de abril também em Hannover, principal feira do mundo para a tecnologia industrial; Expocomer, de 17 a 20 de abril na Cidade do Panamá, feira multissetorial voltada aos segmentos de alimentos e bebidas, eletrônicos e tecnologia, construção, têxtil e serviços; 77ª Mostra Internacional de Artigianato, de 20 a 28 de abril em Florença (Itália), destinada ao artesanato tradicional; e a Frutal Amazônia, prevista para junho em Belém, com a finalidade de inserir frutas, flores, agroindústrias e produtos da agricultura familiar da Amazônia no mercado brasileiro e internacional. O segundo semestre começa com a Feira Internacional do Artesanato, de 6 a 14 de julho em Lisboa (Portugal); em seguida, a 64ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC), na segunda quinzena de julho em São Luis; Navalshore, de 13 a 15 de agosto, no Rio de Janeiro, voltada à indústria naval; Amazontech, de 27 de agosto a 1º de setembro em Porto Velho, com foco na cultura da inovação dos nos negócios da Amazônia Legal; Expoalimentaria, prevista para setembro, em Lima (Peru), destinada ao setor de alimentos e bebidas; e a Expologística, prevista para outubro, na Cidade do Panamá. 


5 milhões e 600 mil reais sumiram do caixa da Irmandade da Santa Cruz dos Militares


A Irmandade da Santa Cruz dos Militares (ISCM) foi fundada em 14 de Setembro de 1623, com nome de Irmandade de Vera Cruz, pelo governador Martim de Sá. É uma Associação Civil e Religiosa Católica de duração indeterminada, com sede e foro na cidade de São Sebastião do Rio e Janeiro, na rua 1º de Março, nº 36 – Centro. É constituída de Oficiais do Exército Brasileiro da Ativa, da reserva de 1ª classe e reformados, tendo seus objetivos religiosos, beneficentes e filantrópicos atingidos pela observância de itens postulados em seu Estatuto, para atender irmãos, dependentes, beneficiários, empregados e instituições de caridade. Admite, como exceção única, a admissão de irmãos que não sejam oficiais do Exército Brasileiro tão somente nos quadros de irmãos Benfeitores e Honorários. Atualmente o número de irmãos gira em torno de 100 (cem). Propugna o aprofundamento da fé cristã e mantém, estimula e contribui para o aprimoramento cultural e artístico, através da preservação de seu arquivo geral, museu, templo, peças, relíquias sacras, livros, documentos etc. Instituição secular que registra a passagem de notáveis personagens da História do Brasil como o ilustre Patrono do Exército Brasileiro – o Marechal Luiz Alves de Lima e Silva – o Duque de Caxias, na honraria de Provedor; o Marechal Eurico Gaspar Dutra, no posto de Tenente como Conselheiro; o Dr. Rui Barbosa nos préstimos dos ditames jurídicos, dentre outros. Desde sua fundação a Irmandade, através de doações, construções e compras, chegou a constituir um patrimônio de mais de 560 itens em imóveis residenciais e comerciais, distribuídos pelos bairros do Centro, Botafogo, Humaitá, São Cristóvão, Vila Izabel, Tijuca, Engenho de Dentro, etc. Portanto, a ISCM sempre ocupou lugar de destaque entre as Ordens Religiosas no Estado do Rio de Janeiro, como a de Nossa Senhora do Rosário e de São Benedito, Ordem do Carmo e outras. Entretanto, parece que a má gestão impera nessas que foram citadas. A de Nossa Senhora do Rosário e São Benedito há poucos anos foi citada na imprensa que estava com dívidas no valor aproximado de 10 milhões de reais. A Ordem do Carmo, também, está sendo noticiada na imprensa, por promover leilões dos seus imóveis para pagar dívidas. No caso particular da ISCM, paira um sentimento de que seu destino será idêntico ao das Ordens referidas. 

Tudo graças a um grupo de velhos coronéis octogenários, encastelados há 40 anos e que conduzem um rodízio entre eles, com o objetivo de manterem-se na Provedoria. Desse grupo de coronéis todos foram expulsos do antigo SNI. Dentre eles, três nomes se destacam na manutenção da direção da ISCM, nos últimos anos: Coronel Araújo – afastado por desentendimento e doença, Coronel Barcellos – falecido em 2012, e o Ten Cel Ari de Aguiar, que é o atual Provedor. Vale saber que na gestão do Coronel Barcelos o seu tesoureiro era o Ten Cel Ari de Aguiar. Ao término de tempo como Provedor, promoveu a assunção da Provedoria pelo Ten Cel Aguiar e passou a ser seu tesoureiro. Deslavada troca de funções. O Ten Cel Ari de Aguiar assumiu a provedoria já debilitado, apresentando um quadro de esquecimento e pouco reconhecimento das pessoas. Há 150 dias não comparece à ISCM, apoiando-se pelo Estatuto da Irmandade para, ainda, manter-se na função. O Coronel Hélio, Vice Provedor e Provedor em exercício, não tem contato, seja por qualquer meio, com o Ten Cel Aguiar e, por decisão própria, estaria aguardando o término do limite preconizado pelo Estatuto da ISCM para tomar as devidas providências estatutárias (eleições). Grupo de irmãos querem saber aonde foram parar 5 milhões e 600 mil reais que estão sumidos. Em 2007, a ISCM encerrou suas aplicações na bolsa de valores, deixando 9 milhões de reais em caixa. De 2007 a 2012 a Irmandade gastou 2 milhões e oitocentos mil reais entre taxas, tributos etc., relativos aos imóveis de inquilinos inadimplentes. Hoje seu caixa é de 600 mil reais. 5 milhões e 600 mil reais estão sumidos!Estas informações e questionamentos nos foram enviadas por fontes militares confiáveis.

Atenção: Se alguém citado aqui quiser questionar as informações apresentadas, basta nos enviar artigo ou nota contradizendo o que foi publicado. O endereço eletrônico é o limonginetto@hotmail.com.


Clique nos links abaixo para conhecer mais sobre a Irmandade da Santa Cruz dos Militares.


História da Irmandade

História da Igreja

Duque de Caxias

Cerimônias Religiosas

Contatos

segunda-feira, 14 de janeiro de 2013

O que acontece por aí...


Depoimento isento

Cumprimentos ao "locutor do Planalto"(Poder, 13/01), Lademir Filipini que traçou o perfil dos ex-presidentes João Figueiredo, Itamar Franco, Fernando Collor,José Sarney, FHC, Lula e Dilma, destacando sobretudo as qualidades do ex-presidente Collor. O "Lombardi do Planalto", como é chamado na matéria, salientou que Collor foi seu mais rigoroso chefe. Lademir afirma que "aprendeu o equivalente a 20 anos em dois anos ao lado dele".

Excelente depoimento do craque Robério Braga, secretário de cultura do Amazonas:

Amigo: Collor é um grande brasileiro. Tive o privilégio de saudá-lo quando visitou a Câmara de Manaus como candidato, no início da campanha. Bom orador, fluente, foi o presidente do Novo Brasil- o da abertura econômica. O tempo dirá melhor que todos nós.

domingo, 13 de janeiro de 2013

Arthur garante políticas públicas e anuncia construção 3,5 mil casas para as mulheres



O prefeito Arthur Virgílio Neto manteve o primeiro encontro com representantes de entidades ligadas aos direitos da mulher, no qual reafirmou seu compromisso em desenvolver políticas públicas voltadas para a população feminina e analisar a reivindicação pela criação da Secretaria da Mulher. Arthur disse que em seus planos está a construção de 3,5 mil casas que serão entregues a mulheres.
“Eu vejo com a maior simpatia a criação da secretaria, que é uma reivindicação muito forte do movimento de mulheres. Fiquei muito feliz porque discutimos saúde, educação, habitação, entre outros temas”, afirmou o prefeito.
Na questão da educação, Arthur garantiu que a prefeitura irá inaugurar creches e falou também sobre a Escola da Mulher. Sobre o abastecimento de água, o prefeito afirmou que está resolvendo o impasse do Programa Águas para Manaus (Proama) e cobrando da concessionária Manaus Ambiental a melhoria do serviço, implantação da Tarifa social, redução da taxa de esgoto e interligação gratuita à rede para famílias carentes.
Arthur anunciou a construção de 3,5 mil casas populares, por meio da Secretaria Municipal de Infraestrutura e Habitação (Seminf), cujos títulos serão entregues a mulheres. O prefeito também vai avaliar a necessidade de colocar endocrinologistas e ginecologistas nas Unidades Básicas de Saúde.
“Eu me coloquei à disposição de todas as lideranças de mulheres para dialogarem comigo sobre quaisquer temas a qualquer momento. É uma vontade que eu tenho de me aproximar desses movimentos e procurar fazer uma prefeitura voltada para ampliar os direitos”, destacou o prefeito.
O prefeito ressaltou que as mulheres precisam ser vistas com todo o respeito e atenção. “Nosso governo será muito fortemente voltado para a mulher. As nossas ações vão evidenciar esse compromisso muito claro que vai ficar patente cada dia, cada vez mais”, disse.
A presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Florismar Ferreira, afirmou que as reivindicações feitas ao prefeito são uma continuidade do plano de ação, que envolve saúde, geração de renda, combate à violência, habitação, água, creches porque isso é fundamental na vida da mulher.
“O conselho tem uma agenda de atividades junto com os movimentos sociais. A implantação da secretaria, que é muito importante para os movimentos sociais, que vai dar esse empoderamento às mulheres manauaras. Estamos dialogando com o prefeito para ver a possibilidade de implantar essas políticas públicas, principalmente as creches”, explicou.
A deputada estadual Conceição Sampaio fez uma avaliação positiva do encontro. “O prefeito está aberto ao diálogo, mostrou que conversa com todos os movimentos, que está disposto a atender à demanda e colocou abertamente a prefeitura para esse diálogo com o movimento de mulheres”, disse.
A reunião foi realizada na sede da prefeitura, no bairro Compensa Zona Oeste. Participaram do encontro a deputada estadual Conceição Sampaio, presidente da Comissão da Mulher e das Famílias da Assembleia Legislativa do Estado (Aleam); a presidente do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Florismar Ferreira; Francy Guedes, da Marcha Mundial de Mulheres de Manaus; a secretária-executiva do Conselho Municipal dos Direitos da Mulher, Rosaly Pinheiro; e o presidente do Fórum Permanente de Mulheres de Manaus, Francy Júnior.

Renan e a PGR


Adversários do senador Renan Calheiros que não têm competência para derrotá-lo na disputa para a Presidência do Senado e do Congresso, apelam para o tapetão, ou seja,para a Procuradoria-Geral da República. O jogo político limpo é saudável e fascinante. Mas o jogo político rasteiro, venal e covarde, não valoriza o parlamento.  O próprio Renan explicou ao site G1, que não é responsável pela Agropecuária de Alagoas. O time da intrigalhada usa a PGR para inutilmente tentar fragilizar a recondução de Calheiros ao cargo. Seria mais inteligente e merecedor de aplausos se os desafetos de Renan apresentassem candidato para disputar com ele a sucessão de José Sarney. Mesmo sabendo que Renan é imbatível na disputa.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Renan é competente



Gostaria de lembrar aos leitores  contrários ao retorno de Renan Calheiros à Presidência do Senado, que o jogo político é jogado e o lambari é pescado. Qualquer senador pode candidatar-se para disputar o cargo, mas precisa ter votos suficientes para derrotar o senador pelo PMDB de Alagoas. O PMDB não impõe a candidatura de Renan. Qualquer senador pode perfeitamente disputar a indicação dentro do partido. Ocorre que alguns senadores se dizem candidatos apenas para fazer marola e ganhar fatias do noticiário político. Sabem que Renan Calheiros é praticamente imbatível. Preparou-se para retornar ao posto, sucedendo Sarney.  Renan é homem de fibra e competente. Forjado em lutas. Renan também conta com o apoio indispensável da maioria dos senadores de outros partidos para ser eleito.

SALVE, CANHOTINHA DE OURO!


Feliz Aniversário!



El País chama Sarney de 'monumento nacional'


Jornal espanhol destaca papel estratégico do ex-presidente na vida política brasileira

O espanhol El Pais, um dos dez maiores periódicos do mundo, com tiragem em todos os continentes, inclusive no Brasil, repercutiu nesta terça-feira, 7, a entrevista que o presidente do Senado, José Sarney, concedeu ao jornalista Fernando Rodrigues da  Folha de São Paulo, no fim do ano passado. O diário espanhol destacou o papel estratégico que Sarney desempenhou, ao longo de 54 anos de vida pública, para o desenvolvimento do Brasil, classificando-o como "um monumento nacional". Segundo o El País, o presidente do Senado antecipou algumas passagens que estarão disponíveis em seu livro de memórias. Numa delas, Sarney conta que recebeu o ex-presidente Lula por três vezes em sua casa e que decidiu então apoiá-lo, na sua quarta tentativa em se tornar presidente da República, quando logrou êxito. O diário também ressaltou a afirmação de Sarney de que ex-presidentes da República não deveriam voltar a disputar eleições, porque  estariam expostos "ao tiroteio da guerra cruel que  é a política". Sarney explica que sua declaração não tem qualquer relação com uma eventual nova candidatura do presidente Lula: "Eu não dou conselhos pessoais", diz ele. O periódico ressalta que, para Sarney, o Congresso Nacional foi profundamente prejudicado pelo excesso de medidas provisórias. 


"O Congresso precisa recuperar sua função legislativa”, disse. Sarney também chama a atenção para a necessidade de uma reforma política no país. “Há 54 anos, tem se falado nisso, mas aparentemente, ninguém quer”, afirmou. A entrevista de Sarney à Folha de S. Paulo também gerou comentários positivos do ex-ministro da Justiça, Paulo Brossard. Em artigo publicado pelo jornal Zero Hora, o jurista considerou ser oportuna a discussão do papel do Legislativo e do Executivo, a partir da opinião do presidente Sarney de que o Brasil só avançará institucionalmente quando passar do sistema presidencialista para o parlamentarista: "Quase desnecessário dizer que, a meu juízo, a assertiva é oportuna e sábia", disse Brossard.


Clique aqui para ler trechos da entrevista realizada em 17 de dezembro


A seguir, vídeo da entrevista (roda em smartphones e tablets):

quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

Em crise lá fora, bebidas energéticas colhem bons resultados no Brasil


Os primeiros 100 dias de administração do prefeito Arthur Neto na área de saúde serão dedicados a humanizar o atendimento e reforçar a prevenção de doenças. Segundo o secretário municipal de Saúde, Evandro Melo, o acesso da população aos serviços primários de saúde será ampliado, com novos horários de atendimento, e haverá maior qualificação na assistência aos usuários. Segundo Melo, a Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) elaborou um plano emergencial de ação baseado em informações epidemiológicas que apontam as doenças e agravos mais relevantes na capital e que devem ser tratados com prioridade. Um dos principais desafios da secretaria é garantir o atendimento da população que reside em áreas caracterizadas como “vazios assistenciais” e fortalecer a atenção primária com a melhoria da qualidade. O secretário explica que, para isso, haverá maior integração entre as unidades que compõem a rede de assistência. “Assim vamos aumentar a capacidade de resolver os problemas do usuário e aumentar a satisfação dos que utilizam o serviço público de saúde”, enfatiza o secretário. De acordo com o plano emergencial, as Unidades Básicas de Saúde terão horário de funcionamento estendido até as 22 horas durante a semana, permanecendo abertas também aos sábados, entre as 8h e as 17 horas. Inicialmente o novo horário será implantado em até duas unidades por Distrito de Saúde, exceto na área rural. “A maioria das unidades funciona hoje em horário comercial, das 7h às 17h, quando as pessoas estão trabalhando. Estender o horário de atendimento vai garantir mais oportunidade na assistência e, consequentemente, melhoria na prevenção e no tratamento de doenças. Queremos evitar o agravamento de situações simples, perfeitamente controláveis, para evitar internações e sofrimento”, diz Evandro Melo. A busca ativa de casos suspeitos de Tuberculose também será reforçada para a identificação precoce e imediato tratamento dos doentes. O mesmo vai acontecer com o rastreamento de pacientes hipertensos e diabéticos ainda não diagnosticados. O secretário ressalta que a tuberculose continua sendo um grave problema de saúde pública e a principal causa de morte por doença infectocontagiosa em adultos, em todo o mundo. No Amazonas, é uma das doenças mais prevalentes, e Manaus é o que concentra o maior número de casos entre os 61 municípios amazonenses. “Iremos intensificar a busca e o registro de pessoas com sintomas respiratórios nas Unidades de Saúde e na área de abrangência da Estratégia de Saúde da Família”. A identificação, cadastro, seguimento e tratamento de hipertensos e diabéticos também será prioridade. A principal ação será identificar as pessoas acima de 18 anos que ainda não foram diagnosticadas e estimular o tratamento e o acompanhamento permanente. Com o período chuvoso, a Semsa também vai reforçar o controle e a prevenção da dengue. A Operação Impacto Contra a Dengue vai ter prosseguimento, com ações integradas em 44 bairros com alto ou médio risco de transmissão. As estratégias de controle envolverão o combate ao vetor na fase de larva e na fase adulta, com a meta de atingir nos 100 dias, mais de 49 mil imóveis. Serão reforçadas, ainda, as ações de educação em saúde, mobilização social, notificação dos casos e atenção ao paciente, além de ampliadas as parcerias com representantes de ramos de atividade de risco, como a Construção Civil. Outro foco de ação é otimizar a utilização das Unidades Móveis de Saúde, que irão à população residente em vazios assistenciais. “As Unidades Móveis são uma estratégia para melhorar a assistência principalmente a esta população. Vamos trabalhar com cronogramas preestabelecidos, informando às pessoas, através dos meios de comunicação, a agenda de atendimento de unidades”, explica o secretário. Evandro Melo avalia que a implantação do plano emergencial trará resultados tanto na satisfação dos usuários pela melhoria do acesso à rede de assistência, quanto nos indicadores de morbimortalidade, que medem a qualidade de vida da população.

Prefeito Arthur Neto vai ampliar acesso à atenção primária nos primeiros 100 dias de governo


Gabriel Ferreira/ Brasil Econômico

Quem vê as dificuldades que o mercado de bebidas energéticas enfrenta em alguns importantes centros consumidores do mundo, como os Estados Unidos, que tenta mudar as regras sobre a produção desse tipo de produto, pode imaginar que essa indústria está condenada a um futuro incerto. Ao ver o quadro no Brasil, onde o nicho cresce acima de todos os segmentos do setor de bebidas, porém, é possível concluir que há esperanças para o setor. “Muitas empresas multinacionais do setor estão de olho no mercado brasileiro”, diz Adalberto Viviani, consultor sobre o mercado de bebidas da Concept. Não é a toa que ocorre esse interesse. Dados da Associação Brasileira das Indústrias de Refrigerantes e Bebidas Não Alcoólicas (Abir) apontam que as vem das de energéticos no Brasil tiveram um crescimento de 152% entre 2008 e 2011. “O desempenho do segmento de energéticos se deve à aceitação do consumidor brasileiro, que está incorporando cada vez mais o produto em sua cesta de compras. Nos últimos anos,mais pessoas tiveram a oportunidade de conhecer o produto e aprovaram”, afirma Douglas Costa, diretor de mercado do Grupo Petrópolis, detentor da marca TNT. O lançamento de versões maiores, em garrafas PET de até 2 litros, contribuiu para a chegada de um perfil de consumidor que até então não estava habituado ao produto. “Esse posicionamento mais popular é diferente do que costumamos ver em outros países”, afirma Viviani. “Mas é preciso que as empresas tenham cuidado, porque entrar em uma guerra de preços pode representar um risco à categoria como um todo.” Segundo o consultor, se o marketing for bem trabalhado, o nicho ainda tem potencial de crescimento em todas as classes de consumidores. “O consumo per capita ainda é muito baixo.” Dados da Abir indicam que o consumo brasileiro de energéticos é de 0,45 litros por ano por habitante. No Nordeste, o consumo anual de cada pessoa é ainda menor, de 0,27 litros. As boas perspectivas se refletem na cara do mercado, hoje disputado por competidores de porte, como Coca-Cola, dona da marca Burn, e a Ambev, que lançou no Brasil o energético Fusion. A Red Bull, maior fabricante deste tipo de produto no mundo, anunciou recentemente planos de construir uma fábrica no Brasil. O projeto, que recebeu incentivo da Zona Franca de Manaus, deve ser a primeira unidade fabril da empresa fora da Europa. “O grande desafio para quem chega ao Brasil é a capacidade de distribuição. Não adianta ter uma marca muito forte no exterior se não tiver capilaridade por aqui”, diz Viviani. Álcool e esportes Outro desafio a ser enfrentados pelas companhias do setor é diminuir a relação entre o consumo de produtos e as bebidas alcoólicas, muito forte no país. “Ao ser vendido como um produto para mistura, diminui o potencial de valor agregado”, afirma o consultor. Para evitar essa relação, muitas marcas investem pesado na ligação de seus nomes ao esporte. O caso mais clássico é o da Red Bull, pioneira no setor, que mantém times próprios em diversas modalidades e o patrocínio a uma série de campeonatos esportivos. Outra que investe nesse tipo de estratégia é a TNT. Apesar de ter atuação focada no Brasil, a marca do Grupo Petrópolis investe no patrocínio à equipe Ferrari, de Fórmula 1. A empresa também patrocina atletas, como os pilotos Felipe Massa e Fernando Alonso — ambos da Ferrari — e o lutador de MMA Júnior Cigano. “São ações que ajudam a construir a imagem do produto e aproxima os consumidores à marca”, afirma Costa, da Petrópolis. “Nosso objetivo é promover o produto como uma alternativa saudável para superar limites.

O que acontece por aí...


Parabéns para ele!


“Dia 11 de janeiro, o eterno craque Gerson Nunes fará 72 anos. O cerebral canhotinha de ouro do tri no México, comemora a data na bela casa de Niterói, com o carinho de Maria Helena, da filha Patrícia, do genro Ricardo e dos netos Juliana e Ricardo. Vida longa para nosso "papagaio" Gerson, que jogando em clubes e na seleção deu muitas alegrias ao torcedor.”

Anna Ramalho

FHC-Aécio

Dilma, Lula e seguidores soltam rojões e agradecem aos céus pela fantástica noticia: FHC será guru da campanha presidencial de Aécio Neves em 2014. Com um guru tão sábio e simpático como FHC, Aécio não precisa mais temer inimigos. Quem sabe, poderiam até formar a chapa puro-mofo.

 

Pato e Robinho, dois enganadores

 

Sem espaço e credibilidade na Itália, dois jogadores brasileiros enganadores, Pato e Robinho, voltarão a jogar no Brasil. Se realmente fossem bons jogadores, não seriam liberados pelo Milan. Pato vai ganhar fortunas no Corinthians e Robinho, tudo indica que muito mais ainda, no Atlético Mineiro.  As duas contratações são um acinte ao bom senso. Pato e Robinho vão aumentar a conta bancária, mas não têm mais qualidade técnica nem vigor físico de outros tempos. Dificilmente terão sucesso em seus novos clubes. Ganharão altos salários mais pelo nome e fama que carregam do que pelo futebol medíocre que  mostravam na Itália. Quem acertou em cheio foi o Santos, contratando o excelente jogador argentino Montijo. O time de Neymar mostra que não joga dinheiro fora.

Muricy, Gerson fazia gols

O técnico Muricy Ramalho se equivoca quando compara o futebol atual com o do passado, afirmando que hoje "o camisa 8 tem que fazer gols". O cerebral meia-armador Gerson, que jogava com a camisa 8, e que no próximo dia 11 faz 73 anos de idade, fazia muitos gols por todos os clubes onde jogou. Além de jogar com categoria e ampla visão de jogo no meio-de-campo,  Gerson sabia chegar na área adversária com inteligência, driblando e fazendo tabelas. Acontece que Gerson parou de jogar há mais de 40 anos e o futebol brasileiro ainda não encontrou nenhum jogador que possa realmente ser considerado herdeiro do “canhotinha de ouro”. Vamos torcer para que Paulo Henrique Ganso  venha a ser este tão esperado e sonhado jogador.


Guardiola esnoba a Seleção Brasileira

Gostaria de saber onde analistas e seguidores que nunca colocaram chuteira nos pés, vão agora enfiar a cara, depois que ardorosamente defenderam o nome do espanhol Guardiola para técnico da seleção brasileira, com a declaração do próprio ex-técnico do Barcelona afirmando que não treinaria nossa seleção, porque o Brasil dispõe de bons profissionais, citando, entre eles, o técnico Felipão. São os sabidões de sempre, que costumam fazer ar de inteligentes diante das câmeras, para falar do que não entendem, mas logo depois voltam ao normal.

Comentário do meu amigo José Carlos Werneck: “Uma oportunidade de ouro para Genoíno se defender. Um gato que levava serras, brocas e celulares para presos em penitenciária de Alagoas foi preso. Homens que mataram turista a facadas, em restaurante, no Guarujá, se apresentam à polícia com a arma usada no crime, são liberados,mas a faca ficou "presa" na delegacia. Essas foram notícias divulgadas pela imprensa brasileira nos últimos dias. Tudo isso de acordo com as LEIS VIGENTES NO PAÍS. Perfeitamente legal,mas totalmente imoral, bizarro e incompreensível! Causam medo e espanto. Seria cômico, se trágico não fosse! Faço essas considerações iniciais,pois esses acontecimentos não mereceram o destaque como o fato de que,num ato perfeitamente legal,José Genoíno tomou posse como deputado federal em vaga que é sua como prevê a lei,pois NINGUÉM PODE SER CONSIDERADO CULPADO, ANTES DE JULGADOS TODOS OS RECURSOS E A SENTENÇA CONDENATÓRIA TER TRANSITADO EM JULGADO.`”

Côco Neles!

Indignada com o péssimo atendimento no pronto-socorro do Hospital da Asa Norte, da rede pública de Brasília, uma paciente quebrou os vidros jogando dois côcos e foi presa. Se a moda pega no Brasil o verão ficará sem côco e as delegacias ainda mais lotadas.

sexta-feira, 4 de janeiro de 2013

O que acontece por aí...


Genoíno é alma penada

Não entendo porque a imprensa perde tempo com José Genoíno.  Existem assuntos mais importantes para a coletividade que realmente merecem atenção jornalística. Genoíno é alma penada. Insultou feito jumento um repórter. O oportuno troco seria deixá-lo vagando pelos corredores da Câmara Federal. Genoíno deve continuar se achando. Jornalista que se preza sabe que Genoíno não tem mais nenhuma importância. A não ser para os habituais patrulheiros. Os clichês e palavras de ordem de Genoíno e companhia estão mais do que manjados e surrados. 

Palavras de ordem do verão carioca

De alguns anos para cá mudaram as palavras de ordem do verão carioca. Trocou-se o mar, sol, praia, samba,  chopp, biquíni, alegria, por lama, enxurrada, lixo, esgoto, mortes, desaparecidos, desabrigados, chuva, enchente, desmoronamento, tristeza. Lamentável. As chuvas anunciam as tragédias, mas ninguém trabalha com antecedência para evitar que os estragos atinjam proporções tão gigantescas. Permanece, então, o cenário desolador que entristece o Brasil inteiro. 

quarta-feira, 2 de janeiro de 2013

Aécio precisa de muitos Arthurs Virgílios



O prefeito eleito e empossado de Manaus, Arthur Virgílio  anuncia que será defensor no Norte do país da candidatura de Aécio Neves à Presidência da República. Tarefa encantadora, mas também árdua e espinhosa do ex-senador Arthur Virgílio  Creio que Aécio Neves precisará de muitos outros valorosos Arthurs Virgílios espalhados pelo Brasil para poder, então, começar a tentar decolar a candidatura do ex-governador e senador do PSDB. Acredito também que, caso Arthur Virgílio fosse prefeito de outra capital, fora da região Norte teria ele próprio mais visibilidade, firmeza e presença mais competente e marcante na imprensa do que Aécio Neves, para enfrentar Dilma e companhia nas urnas.